Contos de ninar

A coleção primavera-verão 2018 "confetti" foi inspirada na família de Guga e Tati, pais da Nina, Gil e Manu.
Tip Toey Joey
Na ponta dos pés de uma bailarina, a dança se faz arte. De balé clássico a flamenco, jazz, frevo, maracatu e valsa, para dançar é preciso disciplina, técnica, concentração e força. Mas na ponta dos pés de uma criança, dançar é se libertar! É movimentar o corpo da maneira que quiser, sem seguir o ritmo da música, sem se preocupar se alguém está olhando. É criar um palco imaginário e, do alto dele, ser exatamente quem se é.
Tip Toey Joey
“A Dança que eu pratico e que eu proponho é uma dança extremamente baseada no vínculo, no amor, no contato, no aconchego. Eu vejo na dança uma possibilidade de expressão e de comunicação com o mundo. Eu quis criar um trabalho que faça com que pessoas que, talvez diferente de mim, não tenham dançado a vida inteira, não tenham essa naturalidade com a dança, encontrem esse canal de fluência, de contato com o próprio corpo, com o próprio bebê. O que eu faço com a dança desde a gestação é cultivar a existência desse vínculo a partir desse encontro dos corpos e depois que o bebê nasce continuar propondo isso de uma forma diferente, gostosa, prazerosa, porque o encontro de alma com alma nasce muito do encontro dos corpos, de como a gente acolhe o bebê desde quando ele estava na nossa barriga.”

Olá!

Nossa versão mobile está quase pronta.
Conheça nosso novo site no seu desktop.